Portal corporativo: você ainda vai ter um

Como vender a idéia do portal?

O portal corporativo representa uma mudança, para melhor, no acesso às

informações e sistemas da empresa. Não basta que o portal seja bem

implementado, eficiente, rápido e recheado de conteúdo e serviços. Mais

que tudo isso, é preciso que o usuário saiba e, principalmente, perceba

o valor na sua utilização. Sem esta percepção, todo o esforço será em

vão.

Quer um exemplo simples e prático? Foi necessário algum

treinamento, divulgação em massa ou avisar mais de uma vez sobre aquele

sistema que fornece consulta ao contra-cheque? Obviamente que não,

porque o usuário percebeu a utilidade no acesso a este recurso. Quem

não quer consultar o contra-cheque alguns dias antes do pagamento? É

isso. Simples e direto. Nem mais, nem menos.

Valor e utilidade

A cultura organizacional, a maneira como as pessoas realizam o

seu trabalho e os valores vigentes na organização têm que ser levados

em consideração no momento da implementação dos serviços do portal. As

normas e valores de uma organização também podem ser considerados um

sistema de controle não oficial, ou melhor, são o sistema de controle

que realmente vale, que efetivamente é aplicado no dia-a-dia da

empresa.

Nem por intimidação, nem por medo da perda do emprego, as pessoas, a

longo prazo, alcançam resultados que vão contra os seus princípios e

crenças. Em algum momento, consciente ou inconscientemente, elas acabam

“sabotando” iniciativas que contrariam suas crenças e valores pessoais.

Em outras palavras: os funcionários jamais usarão os serviços do portal

se não tiverem percebido o valor e a utilidade para seu trabalho

diário. Por outro lado, estes serviços só serão realmente úteis se

tiverem sido projetados a partir de uma ampla compreensão de como as

pessoas trabalham.

Desde a fase de concepção, passando pelo projeto e pela

implementação, é fundamental que haja uma participação efetiva dos

usuários. Quem melhor do que eles para explicar suas reais

necessidades?

Em algumas empresas, as definições são feitas por uma equipe

técnica, centralizada, que não tem contato direto com os funcionários,

nem clientes e parceiros de negócios.

Obviamente, essa é uma péssima abordagem. Quem conhece melhor as

necessidades dos clientes é quem interage diretamente com eles. Quem

conhece melhor os problemas do dia-a-dia na empresa é quem está

realizando o trabalho. Pense bem nisso. Esse é um fator decisivo para o

sucesso na implementação do portal corporativo.

Se você gostou desse post, deixe um comentário ou Assine nosso RSS para receber nossos futuros artigos em seu leitor de feeds.
0.00 avg. rating (0% score) - 0 votes

Agência Digital Full Service, fundada em 1997. Ideias para Simplificar a sua Empresa.

Comentários no Facebook