Nada vai “mudar” em 2009

Pelo menos aqui vai ser assim, ou seja, nada vai “mudar” em 2009.

Continuaremos em ritmo de melhoria contínua! Continuaremos organizando as informações, integrando pessoas e processos, estimulando a colaboração, contribuindo com a comunidade e gerando resultados.

Tudo bem, mas melhoria contínua significa mudança contínua, certo? Então por que dizer que nada vai mudar?

Não adianta fazer diferente, temos que fazer melhor
Não adianta fazer diferente, temos que fazer melhor

É justamente essa a idéia! A mudança tem que se tornar uma rotina nas empresas, ou melhor, desde que você e/ou a sua empresa estejam fazendo as coisas com o objetivo único de melhorar continuamente, não há problema algum em dizer que você caiu na rotina. Complicado isso, não?

É o mesmo que falar que a sua vida virou uma rotina, pois você está sempre em processo de mudança. Que chato…

Com certeza você já leu em algum lugar ou alguém já perguntou pra você: O que você quer que seja diferente no ano novo? E o que você vai fazer para que isso aconteça?

Perguntinha batida essa hein? Todo ano é a mesma coisa, todos perguntam e ninguém explica como se faz para que isso realmente funcione e para que você consiga, efetivamente, fazer tudo o que precisa ser feito para alcançar aqueles inalcançáveis objetivos que estão em seu planejamento pessoal ou profissional. Aliás, até existem várias “receitinhas de bolo” por ai, ensinando como você pode alcançar seus objetivos. Basta segui-las e pronto, você conquista tudo o que quiser. Acho até que vamos escrever mais uma dessas aqui, mas é por uma boa causa.

Metas
Metas

A questão é: Na prática, não funciona bem assim, ou melhor, a maioria das empresas não consegue alcançar as suas metas, atingir seus objetivos, fazer aquilo que tanto deseja.

Claro que não vai conseguir, pois em muitos casos não existe um planejamento e em outros casos, o planejamento existe, mas só serve para “bonito”.
Não adianta comer sopa de lentilha, pular 7 ondas, colocar 7 sementes de uva na carteira, etc, se você não se mexer para conseguir as coisas. Todo mundo sabe disso, mas ficam amarrados em crendices populares.

O problema não é a crendice em si, mas acreditar que só ela basta para que as coisas automáticamente sejam diferentes no próximo ano.

Faça as coisas saírem do papel, efetivamente. Defina exatamente e objetivamente o que você quer para a sua empresa e relacione isso a um prazo, uma data. A partir daí, você tem a Visão da sua empresa e tudo que você fizer daquele momento em diante tem que ser justificado, de alguma forma, para alcançar a Visão, ou seja, se a Visão da sua empresa for “Ser reconhecida nacionalmente como a melhor fabricante de bolas de futebol”, tudo o que você fizer, exatamente tudo o que acontecer dentro da sua empresa, tem que estar relacionado de alguma forma a esta Visão.

Desenhe uma pirâmide, coloque a Visão no topo e, logo abaixo da Visão, trace uma linha identificando um nível inferior, onde você vai listar quais as metas específicas para que a sua empresa alcance a Visão. Como por exemplo:

– Aumentar o nível de satisfação dos clientes para 98%
– Aumentar a lucratividade da empresa em 20%
– Aumentar a produtividade da equipe em 15%
– Aumentar o investimento em ações socioambientais em 50%

Modelo de definição e representação de metas
Exemplo fictício de definição e representação de metas

Tente abranger todas as dimensões do negócio:
1- Cliente
2- Acionista
3- Colaborador
4- Sociedade

Atenção:
– Para cada Meta, para cada Ação e para cada Sub-Ação defina uma data limite e um responsável.
– Coloque tudo isso em um cronograma.
– Utilize uma ferramenta (software, de preferência) para ajudar você a monitorar os prazos e para não deixá-lo esquecer de cada uma das Ações.
– Avalie periodicamente cada item do cronograma.
– Redefina datas e ações, caso realmente seja necessário.
– Compartilhe tudo e gere colaboração entre toda a equipe.

– Forneça ferramentas e informações e cobre resultados.
– Faça reuniões frequentes

O segredo
O segredo

“O segredo”:
Na verdade não existe segredo, tudo é bastante óbvio. Se você dedicar um tempo para definir metas, dedicar um tempo para conversar com os envolvidos, dedicar um tempo para monitorar o cronograma e dedicar um tempo para aproveitar os resultados, tudo vai funcionar.

Nunca diga que não teve tempo para isso ou para aquilo. Todos nós temos o mesmo tempo, o que falta na maioria das vezes (pra não dizer, em todas as vezes) é simplesmente organizar esse tempo e tratar de forma coerente e sensata, os imprevistos.

São coisas óbvias, sabemos disso. Mas que precisam ser lembradas sempre.

Mais uma detalhe, não trabalhe igual a um “louco”. Não pense que ficar até tarde na empresa é a única solução. Procure planejar (óbvio também) antes de fazer uma tarefa. Na prática, isso irá poupar muito tempo para você e para sua empresa.

———————————————————–

A Visão da Tecmedia é:

“Tornar-se referência nacional no segmento de Internet, nas áreas de consultoria, projeto, desenvolvimento e gestão de sistemas online até 2010.”

———————————————————–

Lembra do título do post? Nada vai “mudar” em 2009.

VAMOS CONTINUAR FAZENDO AS “COISAS” ACONTECEREM!

———————————————————–

Que Deus continue nos abençoando.

Se você gostou desse post, deixe um comentário ou Assine nosso RSS para receber nossos futuros artigos em seu leitor de feeds.
0.00 avg. rating (0% score) - 0 votes

Empreendedor, Empresário, Educador, Pai e Ariano legítimo. Pós-graduado em Redes e Telecomunicações, Graduado em Ciência da computação e Técnico em Eletromecânica. Cofundador e CEO da Tecmedia - agência digital com mais de 20 anos no mercado.

Comentários no Facebook