ACADi reúne agências digitais de SC em Tubarão

9536-9537-G
A Associação Catarinense das Agências Digitais (ACADi) realizou na tarde de sexta-feira, 27 de março, seu 7º encontro, em Tubarão/SC, para a discussão do plano de trabalho.

A reunião contou com a participação de 28 empresários do ramo digital, além de dois professores de instituições de ensino superior da região. “O grupo está crescendo a cada encontro. Nesse ritmo, a ACADi está a um passo de tornar-se uma das maiores entidades regionais de agências digitais do Brasil”, avaliou o presidente da associação Anderson de Andrade, da A2C, que esteve à frente dos trabalhos durante o encontro.

No início da reunião, foram apresentados os participantes e coletadas as expectativas. Entre elas, o fortalecimento do segmento na região, desenvolvimento mútuo das empresas, conhecimento do mercado, troca de idéias, apoio às empresas, verificação da evolução das ações, troca de contatos, conhecimento sobre a ACADi e benefícios que vai trazer para as empresas da região.

O professor da Faculdade Capivari (Fucap) Rodrigo Brandelero, que participava pela primeira vez, falou sobre a importância de surgirem iniciativas como esta. “A união das agências digitais vai trazer o fortalecimento do segmento na região. Um grupo disperso dá margem para que as empresas de fora dominem o mercado”, ressaltou.

Durante a reunião, levantou-se a necessidade da criação de cursos que formem profissionais adequados à realidade do mercado atual. “Queremos fazer uma parceria com a ACADi, a fim de que a associação classifique o perfil profissional que o mercado procura, para que, assim, possamos oferecer cursos específicos, que atendam estas expectativas”, explicou a professora da Universidade do Sul de Santa Catarina (Unisul) Márcia Cargnin Giraldi.

O presidente da associação comentou a importância da ACADi para as instituições de ensino. “Vamos fazer um ‘raio X’ do mercado digital em Santa Catarina e oferecer às universidades e entidades informações relevantes para a criação de cursos que acompanhem as novas tecnologias”, completou.

Estão sendo preparados materiais de apoio para divulgação da ACADi e também um site institucional, no qual serão apresentadas as novidades sobre a associação.

O movimento de associações de agências digitais já acontece em oito estados brasileiros. Estas associações reunidas criaram a ABRADi. A coletiva de lançamento aconteceu nesta terça-feira, 31 de março, em São Paulo/SP.

O próximo encontro da ACADi vai ser realizado no dia 29 de maio, em Rio do Sul/SC. “O modelo de trabalho itinerante visa facilitar a participação de todas as agências interessadas do estado. As pessoas precisam sentir-se inseridas”, reforçou o presidente da associação.

Podem fazer parte da ACADi, agências digitais que tenham, na sua atividade fim e objeto social, o desenvolvimento de projetos digitais, muito especialmente os projetos de Internet. Essas empresas precisam ter capacidade comprovada por portfólio e reconhecimento do mercado.

As empresas associadas têm direito a benefícios como acesso gratuito a todas as pesquisas e dados do setor produzidos pela ACADi; participação no processo de discussão e nos movimentos que a entidade realizar; direito a voto nas assembléias e reuniões de diretoria; visibilidade de marca nos materiais de divulgação da ACADi; direito a participação nas comissões de trabalho e direito de aplicação do selo ‘Empresa Associada à ACADi’ no site.

Comentários


Deixe uma resposta